Postagens

Mostrando postagens de Março, 2021

Quarta-feira Santa: O traidor é anunciado

Imagem
Chegamos à Quarta-feira Santa - dia que nos faz lembrar do momento em Jesus confirma que um dos seus discípulos o trairia (João 13:21-32). É a Ceia do bacado molhado!  Jesus diz que aquele para quem ele entregasse o bacado de pão molhado, este seria o traidor. Imagine você que em um momento solene e de celebração que aquela ceia representava, a notícia e o apontamento do traidor fez com que os discípulos ficassem atônitos e interrogativos quanto aos motivos pelos quais Judas faria tal coisa. Eles sempre estiveram juntos, presenciaram os milagres realizados por Jesus e receberam os seus ensinos e pregações. Por que trair o mestre? Há quem diga que Judas é um exemplo de que a culpa nem sempre está no líder quando um lidrado falha em sua missão.  Judas estava decido a entregar Jesus para seus inimigos. Havia dado lugar em seu coração para o poder do mal. Talvez por inveja, ganância ou egoísmo. Ele estava dominado pelo mal. O bocado molhado deixa claro que Jesus bem sabia o que

Terça-feira Santa - o anúncio da sua entrega

Imagem
Hoje celebramos a terça-feira santa, momento no qual relembramos o anúncio de que a ida de Jesus a Jerusalém tinha como objetivo maior a sua entrega por nós (João 12:20-36).  Jesus deixa claro ao anunciar sua morte que isso era necessário acontecer, pois este era o propósito da sua vinda, e essa era a vontade do próprio Deus. Sobretudo, sua morte atrairia pessoas para o plano da salvação.  Morrer como uma semente de trigo, que só produz fruto após ser enterrada, significa dizer que Ele estava disposto a tomar sobre si as últimas consequências de ter amado seus inimigos, andado com os excluídos e marginalizados, ensinado as multidões a lei do amor, desmantelado o sistema religioso farisaico,  confrontado os maiorais da época com seu clamor por justiça e manifestado o extravaso da graça. Assim como a semente de trigo, Ele estava disposto a morrer para frutificar! Sua entrega seria sem reservas, por isso ensinou que todo o que deseja seguí-lo deve seguí-lo a despeito da conseq

Segunda-feira Santa: Jesus é ungido

Imagem
Neste segundo dia da Semana Santa somos convidados a refletir sobre o momento em que Jesus foi ungido por Maria (João 12:1-11). Maria possuía vários motivos para prestar honras a Jesus - dentre eles podemos destacar a ressurreição do seu irmão Lázaro (João 11) e a visita que Jesus fizera à ela e à sua irmã Marta (Lucas 10:38-42). Ela é um exemplo daqueles que são abençoados e querem expressar a gratidão de alguma forma.  Maria havia escolhido uma forma aparentemente muito cara para expressar isso, mas ela o fez sem hesitar e, de fato, sem ter a plena consciência do quão importante este ato seria para o ministério de Jesus. Ela queria apenas demonstrar sua gratidão e acabou por preparar o próprio Cristo para sua entrega, sofrimento e morte.  Parece um paradoxo - tentar agradecer  e acabar prenunciando a morte do Cristo. É justamente neste ponto que aprendemos a grande lição sobre o sacrifício expiatório: Ninguém poderia impedir que isso acontecesse,  e ninguém poderia fazer

Semana Santa - a Entrada Triunfal!

Imagem
Hoje tem início um dos períodos litúrgicos mais significativos da fé cristã: a Semana Santa. Neste dia, Jesus foi recebido em Jerusalém com louvores e honras. As pessoas estenderam ramos pelo caminho à entrada de Jerusalém, para que Ele passasse.  Hoje, domingo de ramos, marca a trajetória do Messias, da sua entrada triunfal a Jerusalém ao Gólgota da crucificação. Este dia marca o início da mais plena e significativa entrega: o Justo pelos injustos, o santo pelos pecadores.  Apesar do grito de aleluias e festa, Jesus reconhecia que a mesma multidão que o recebia com honra, clamaria pela sua morte (Mateus 21:1-11).  Somos convidados em amor a refletir sobre o "Plano Perfeito da Salvação", e receber com alegria verdadeira aquele que foi enviado por Deus como prova do seu amor pela humildade: JESUS! Sua agenda em Jerusalém versava sobre a sua entrada triunfal, a purificação do templo, vários ensinos sobre o Reino de Deus e, a ética e moral humanas.  E para além de tu

IGREJA CATÓLICA NEGA BÊNÇÃO ÀS UNIÕES HOMOSSEXUAIS

Imagem
MEU LUGAR FOI LEGITIMADO PELO PRÓPRIO CRISTO... "E ninguém tendo bebido o vinho velho quer logo o novo, porque diz: Melhor é o velho". (Lc 5:39) Ao ler sobre a resolução doutrinária da igreja católica que versa sobre a proibição de sacerdotes católicos abençoarem uniões igualitárias entre homossexuais, sinto por não haverem FRANCISCOS suficientes para se posicionarem contra a cúpula católica conservadora. E ao mesmo tempo me pergunto se esse seria o correto a se fazer: lutar para mudar uma estrutura antiga que, para além das questões de orientação sexual e de identidade de gênero, ainda tenta  lidar com situações relacionadas ao divórcio, ao casamento de sacerdotes, aos direitos das mulheres no campo eclesiástico e social, às questões étnicas de direitos e igualdade, e etc.  Quando penso sobre tudo isso, fico feliz pela existência e liderança do papa Francisco e de outros líderes eclesiástico que tentam mudar estruturas antigas, seja na igreja católica ou protesta

Dia Internacional da Mulher

Imagem
Feliz dia Internacional das Mulheres! "Desejo que este dia seja de reflexão e aceitação do propósito divino. Que assim como Maria, as mulheres de hoje possam dizer a este mundo: (João 2:5) "Façam tudo o que Jesus lhes ordenar". Pois ela reconheceu que o plano divino era o melhor para todos". Maria escolheu a melhor parte! Jesus acabara de chegar e merecia a melhor acolhida. Marta, conhecedora de seu lugar e função, sem pestanejar começa a trabalhar. Cozinhar aqui, varrer ali, limpar acolá e a casa foi acolhendo quem ali chegava. Maria, conhecedora do seu lugar e função, talvez pestanejando, foi em busca de outro espaço: sentou-se aos pés de Jesus, posição característica de um/a discípulo/a. Em um tempo onde o pensamento dominante era: “aquele que ensina a lei à sua filha, ensina-lhe a devassidão e que é preferível queimar a Torá que ensiná-la às mulheres”, Maria afirmou que desejava e podia ocupar outro espaço naquele cenário.  Marta foi ensinada a estar

OVELHA PERDIDA OU FILHO PRÓDIGO?

Imagem
Ovelha Perdida ou Filho Pródigo? - Se for filh@ pródig@, deixe ir, e tenha a certeza de que regressará à Casa do Pai, porque conhece o caminho. "Sempre se comportar como ovelha pode ser uma estratégia para não assumir as suas próprias decisões. Tod@s querem ser ovelha quando deixam a Igreja, mas poucos reconhecem que na verdade são filh@s pródig@s.  Enquanto ovelha, a culpa nunca é sua, é sempre do pastor que não cuidou, dos irmãos que te feriram ou não ligaram para você, da altura do som da igreja e etc -  "E que tod@s sofram com a dor da sua ausência!"  Assumir a postura de filh@ pródig@ significa assumir as consequências das suas decisões - você quis deixar a casa do pai e seguir seu próprio caminho. O Pastor vai atrás da ovelha, inocente, recém-nascid@ na fé, mas quanto ao filh@ pródig@, nem Deus move seus pés com o fito de o buscar. Por que alguns, presunçosamente, acham que a Igreja, os membros ou líderes deveriam o fazer?  Se for filh@ pródig@, pode te