OS GAYS QUE SE PROSTRAM "DIANTE DO TRONO" - PARTE 1

ANDRÉ VALADÃO ESTÁ COMETENDO UM GRANDE ERRO E QUEM OUVE O QUE ELE DISSE E CONTINUA CONGREGANDO NESTAS IGREJAS APARENTEMENTE GAY FRIENDLY TAMBÉM ESTÁ COMETENDO UM GRANDE ERRO!

O que André Valadão disse sobre os gays não é novidade alguma. É apenas o reflexo do discurso evangélico fundamentalista de que os gays sempre serão bem recebidos, pois segundo eles: "AMAMOS O PECADOR, MAS NÃO ACEITAMOS O PECADO. E SE VOCÊ QUISER CONTINUAR NA PRÁTICA DA HOMOSSEXUALIDADE, A IGREJA NÃO É LUGAR PARA VOCÊ". 

O discurso do André Valadão já é conhecido, mas o que mais me espanta é saber que uma multidão de gays se acostumou com este discurso e consegue congregar nestas igrejas que aparentemente são gay friendly, mas são todas iguais em seu pensamento sobre as pessoas LGBTI+. Homens e mulheres estudados, esclarecidos sobre a situação da população LGBTQI+ no Brasil se submetem a receber migalhas em troca de pequenos espaços nestas igrejas. É triste.

Eu já perdi a conta de pessoas LGBTI+ que conheci durante a vida ministerial que se decepcionaram com a Igreja Batista, com a Igreja Metodista Brasileira, com a Lagoinha, com a Sara Nossa Terra, com a Renascer Praise, com a Bola de Neve, com a Hillsong e etc. E infelizmente, insistem em ficar nestes lugares por causa da tradição familiar, do glamour, da falsa sensação de aceitação, por um pequeno espaço num lugar descolado, jovial, com louvor bacana e algo que infelizmente virou uma modinha no mundo gospel: pregações de auto-ajuda. 

Permanecer nestes lugares é compactuar do preconceito e ignorância destes líderes assassinos. Hoje em dia, no Brasil e no mundo há várias Igrejas acolhedoras para a população LGBTQI+, talvez não tenham glamour e status, mas você encontrará igrejas sérias, comprometidas com a aceitação e celebração de todas as orientações sexuais e identidade de gênero. Você pode acompanhar os trabalhos destas igrejas on-line, ou presencialmente.

Listo aqui algumas Igrejas que são abertas ao público LGBTQI+ e promovem a Inclusão Eclesial Plena à membresía e ao pleno Exercício dos Dons e ministérios de pessoas LGBTI+:

- Igreja Metodista Reconciliadora IPEG;
- Igreja Anglicana;
- Igrejas da Comunidade Metropolitana (ICM);
- Comunidade Cristã Nova Esperança (CCNE);
- Igreja Cidade de Refúgio;
- Igreja Cristã Contemporânea (ICC).

Destaco aqui a Igreja Metodista Reconciliadora IPEG que hoje faz parte da maior rede de trabalhos de Inclusão Eclesial Plena de Pessoas LGBTQI+ no mundo, que atualmente conta com mais de 1300 igrejas Metodistas de Inclusão Eclesial Plena. Esta Igreja possui o compromisso sério de oferecer locais seguros de culto com lideranças capacitadas teologicamente e experimentadas nos trabalhos eclesiásticos.

TEXTO POR MARVEL SOUZA (@marvelsouzaoficial)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uma reflexão sobre o Tempo (Esboço de pregação)

Esterilidade Espiritual